25 de janeiro de 2015

O que vai ficar?



Tudo move-se descompassado, sem ritmo definido. Me confundo e me perco, seria arritmia temporal? As canções não fazem sentido, odeio todas elas! Me falta em quem pensar e sobram pessoas. Estou: Cativa por necessidade e longe por opção. Perder virou rotina, dor não se tranforma em amor. Quando vai acabar? Será que vai passar? Há o que esperar? Acho que terei que me acostumar...

0 andarilhos:

 

Caminhos de Camila Template by Ipietoon Cute Blog Design