31 de outubro de 2019

Sinto tanto e por isso sinto muito




"Porque tem outra coisa: girassol quando abre flor, geralmente despenca. O talo é frágil demais para a própria flor, compreende? Então, como se não suportasse a beleza que ele mesmo engendrou, cai por terra, exausto da própria criação esplêndida."

É como se você fosse tão maravilhoso que não pudesse ser de verdade. É como se eu não pudesse acreditar que você pudesse gostar de mim. É como se eu não me sentisse merecedora de algo tão mágico. É como se esse amor fosse algo que eu não suportasse e me fizesse despencar. Desmoronar. 

Eu sinto intensamente todas as emoções que surgem em mim, sinto tanto que me incomoda. Sinto tanto que fico perdida sem saber como sair desse emaranhado de sentimentos misturados em mim. E por isso eu costumo fugir e me esconder em minhas contradições. Pois não quero arrastar ninguém para minha confusão.

Você chegou e quis me ver de perto, me mostrei. Eu te vi e te quis. Te quis tanto que achei que estivesse errada. Não podia ser correto sentir-me tão feliz, não agora, não aqui, não. Você chegou e me mostrou que posso. Me mostra todo dia o quão sortuda eu sou. E que mereço. E que se eu despencar, você vai estar comigo para me segurar.

Então é como se não fosse possível ser verdade. É como se nós dois não fizesse sentido. É como se eu quisesse continuar sozinha. É como se eu fosse racional. É como se eu não sentisse essa paixão. E parece mesmo mas não é. Não é. Eu sinto, eu quero, eu acredito... Eu quero ficar. Me ajuda?

12 de junho de 2018

Mais um ano...


Mais um ano estou a completar
E eu irei celebrar
Louquinha!
Ninguém pode julgar

"Que feio!" - Alguns irão dizer
Mas não, não há de ser
Não tenho nada a temer

Eu estou bem

Eu estou indo bem
Eu estou seguindo além

Celebro a vida

Celebro os sonhos
Celebro o ínicio
Aceito-me enfim.

15 de março de 2017

Ele disse. Eu sei.



Ele disse que sempre havia whiskey em minha respiração e que eu deveria fazer o melhor que eu posso fazer. Um dia, meio que sem querer ele sussurrou: acho que te amo. Mas agora ele apenas desacelerou e pediu para eu abrandar-me pois não pode lidar com meu desejo de querer ser amada de verdade. Ele disse. Eu sabia.

Eu sei que ele não me amou e que eu não poderia esperar por algo tão grandioso assim. Acho que ele gostou de mim e que foi o máximo que ele poderia sentir. Porque apesar dele ter sido inesquecível, eu consigo deixá-lo para trás e seguir... Eu o disse. Ele sabia.

Texto baseado na música The Medic by Foxing
https://foxingtheband.bandcamp.com/track/the-medic