11 de abril de 2013

Good luck!

"Tudo de bom que você me fizer
Faz minha rima ficar mais rara
O que você faz me ajuda a cantar
Põe um sorriso na minha cara"

 


O que se passa do lado de dentro é quase sempre difícil de se fazer entender. Eu não gosto de chocolate ao leite, nem da cor roxa e não sei o motivo. Eu sei que não faço parte de nenhuma maioria, de nenhum grupo comum e não me envergonho disso, ao contrário, tenho orgulho. Não gosto de ser igual aos outros, afinal 'os outros são os outros e só'.

Nessa de não saber explicar, também entra meu gostar por ti. Eu não entendo direito, pois não faz sentindo, somos totalmente diferentes. Mas quando questiono esse sentimento e procuro respostas, me vem a cabeça teu sorriso. E sempre que você sorri, me faz sorrir. E me aquece. Também me vem a mente todas suas mensagens carinhosas e teu jeito meio ogro e totalmente gostoso de me segurar firme e me fazer cócegas.

E imediatamente me recordo da sensação de paz que tenho quando você me acalma e diz que tudo vai dar certo, mesmo não entendendo nada sobre problemas de obras de pavimentação asfáltica. O mais absurdo é que eu, mesmo sabendo que não vai dar certo, acredito. Me sinto bem! Me sinto feliz. Tenho muita sorte pois tenho você em minha vida, perto de mim! Eu te encontrei. Que sorte, heim?!

Talvez você nunca saberá de tudo isso, prefiro guardar esses sentimentos e sensações. É assustador demais compartilha-los contigo, é muita responsabilidade. Aprendi que às vezes devemos sentir e não contar. Pode ser que um dia essa verdade venha a tona e você descubra, apesar de achar que você já desconfia pois uma vez cantei pertinho do teu ouvido: "Se eu sou Girassol, você é meu Sol"!
Por Camila Blopes

0 andarilhos:

 

Caminhos de Camila Template by Ipietoon Cute Blog Design