1 de maio de 2011

Nova versão

Sou outra, agora consigo sentir isso de maneira objetiva. Sem clichês ou metáforas. Eu sou outra.

Não sou apenas outro corpo. Sou outra perspectiva. Sou outro sentimento. Continuo com a mesma alma de outrora, mas a verdade é que até ela está mudada também.
Além de mudar, eu progredi e evolui também.

É muito confuso, às vezes não me vejo como estou. Ainda vejo aquela outra cinza, hoje eu sou cores por dentro e por fora. Contraditória, permaneço.
Não sei e nem quero explicar, quero que me veja, que me fale, que me sinta. Eu!

Agora eu deixo a felicidade se aproximar, deixei de ser louca e parei de correr.

PS. Agora que EU sou, tenho certeza que o NÓS será ainda melhor e mais bonito...

Por Camila Blopes

5 andarilhos:

Alexandre Henrique disse...

A confiança do amor nasce por si mesma, fico feliz lendo renascimentos, é bom ver um sol nascendo. Tudo de bom que o dom der Camila, abraços.

Hugo de Oliveira disse...

Então te desejo muitas felicidades em seus caminhos.

abraços

Anônimo disse...

Isso tudo pq vai voltar é mocinha?

Fernanda disse...

Olá Camila, passando e conhecendo teu blog.
Muito bom.
Gostei!

Beijinho

Cαmilα ♥ disse...

Obrigada pelos comentários!
beijocas


Ps. Anonimo, é também! Eu vou voltar a minha querida, bela e Santa Catarina! ;)

 

Caminhos de Camila Template by Ipietoon Cute Blog Design