16 de abril de 2011

I need you now ♪


Memórias intactas enchem meus dias e madrugadas também. Eu não consigo lutar mais, procuro o celular e quando o encontro fico parada olhando fixamente para ele e me pergunto se você pensa em mim, nem que seja só de vez em quando, pois penso em ti quase todo tempo.


São uma e quinze, estou completamente sozinha e preciso de você agora. Eu disse que eu não falaria novamente, mas perdi todo o controle e quero que você saiba o quanto preciso de você agora. E não sei como sobreviver, só sei que preciso de você. Estou nesse fim de mundo, apenas você me salvaria.


Mais uma dose de whisky, não consigo parar de olhar para o notebook, meu msn está aberto e você está on line. Porque você não me chama e fala que tem saudade de mim, do jeito que fazia antes. E daí a realidade surge feia e manchada, me fazendo perguntar novamente se isso já passou pela sua mente. Pois comigo, esses devaneios são frequentes.


São duas e quarenta, estou meio embriagada e eu preciso de você agora. Disse que não ia mais te ligar mas perdi todo o controle e preciso de você agora. Para aceitar que todos os sonhos se foram, eu terei que ouvir de ti que não quer mais ir a Paris comigo, que não iremos mais trocar beijos apaixonados em frente a Torre Eifell. Eu não sei como sobreviver com toda essa saudade, eu só preciso de você agora.


Sim, eu prefiro me magoar do que não sentir nada.


São três e meia, estou completamente sozinha e embriagada e preciso só de você agora. Eu disse que não me importaria mas estou deixando a razão de lado e admitindo: preciso de você. Eu não sei como sobreviver em um lugar hostil, em meio a desconhecidos, sem a certeza do nosso reencontro... eu só preciso de você agora. Eu só preciso de você agora.


Por Camila Blopes



Texto inspirado na música I need you now - Lady Antebellum



Obs. "Seja como for, continuo gostando muito de você - da mesma forma -, você está quase sempre perto de mim, quase sempre presente em memórias, lembranças, estórias que conto às vezes, saudade..."

6 andarilhos:

Alan Félix disse...

Força para tentar falar com a pessoa ou seguir em frente.

Fê Miceli disse...

Este post foi especialmente cativante para mim... nem sei ao certo dizer porque...

beijosssssssss

Daniel disse...

Ficamos desesperados quando temos que lidar de frente com a rotina. É difícil lidar com a falta de alguém que estava ao nosso lado durante um tempo. Além do sentimento chamado AMOR.

Aprendi que ninguém morre por perder alguém que amasse.

Aprendi também que aquele que pensamos que não nos quer corresponder, pensa na gente SIM. Mesmo que seja por insistência nossa em pensar tanto nele.

Daniel

eutuelesnaescritadoeu disse...

O importante é manter vivo o sentimento dentro de si

A forma como ele se manisfesta vamos adaptando de acordo com as diversas realidades..

Bjo e aparece

Ti Conselheiro

Ex-(embuscadeumconselho.blogspot.com)

Thiago disse...

Essa música é realmente muito linda Cahzinha e tu soube 'traduzir' ela de um jeito tão e somente teu que qualquer outra pessoa não caberia nela. só não tenho gostado do alcool em demasia e das madrugadas perdidas hem? Cuida de ti!

Cαmilα ♥ disse...

Obrigada a todos pelos comentários.


Ps. Meu Bunito to me cuidando, viu?! beijOs

 

Caminhos de Camila Template by Ipietoon Cute Blog Design