8 de janeiro de 2012

Me deixe desafinar...


Tanto tempo perdido afinal
Fotos rasgadas e frases engasgadas
Evidências deixadas de lado
Logo se vai o amor

Ele sempre foi tão original
Veja todas essas cartas espalhadas
Trazem a conseqüência do inacabado
Fruto de um destino incerto
Logo se vai a alegria

Ela sempre te deixou
São falsos os teus sorrisos
Tempo de rever o seu dia
Esteve sempre comigo?
Logo se vai a eternidade

Era tudo tão simples
Palavras são apenas palavras
Posso seguir sem elas
Então poderei sobreviver
Logo se vai a pessoa amada

Perdendo um pedaço de você
Tudo o que pensou ser
Acabou indo com o seu amor
A única coisa que sobra é o resto dos sonhos...
Você está sozinho, outra vez.
Estranhamente familiar?


Texto original do Por Juan Carlos
(E pequenas mudanças feitas por Camila Blopes)

0 andarilhos:

 

Caminhos de Camila Template by Ipietoon Cute Blog Design