4 de agosto de 2008

Louca infrene

Como um louca
Vem galopante
Não se importa
Com hora ou estação

Se instala onde desejar
E só se vai quando
Alguém consegue a matar

Morro de dor
Quando a defronto
Pois ela vem sem freio
E acerta em cheio meu peito

Cansei dela
Morra SAUDADE
Ele já foi
Não tem mais jeito
Por Camila Fernanda

24 andarilhos:

Cah disse...

Ah floooooor a saudade pode morrer mas ele pode voltar! =)

CONTINUEIII A HISTOOORIA! =)
beijooo flor

LindaRê disse...

A saudade é chata...
Ela vai mas sempre volta.


Bjs~~

Santhiago Ramirez disse...

Lindos e doloridos versos. A saudade e a esperança, essas duas vilãs que nos espancam a alma.
Beijinhos carinhosos!

Kêco disse...

A saudade,se for de fatos que te magoam,é um sentimento dispensável.
Se cuida,
Kêco

Max Psycho disse...

Desencana da saudade, afinal ela existe pra mostrar que temos pessoas distantes que amamos e que vamos reencontrar, nunca para sofrermos, pensa nesta pessoa como que se ela estivesse numa viagem temporaria e quando voltar será tudo de bom, parabéns pelo poema, mas saudades existem pra quem gosta e ama, sauidades por pessoasm coisas ou lugares queridos, não tenta se machucar, pensa na parte boa que são os momentos que foram passados e os futuros momentos que serão melhores quando houver o reencontro

Max Psycho disse...

eu só lamento profundamente o fato de no tempo que eu assistia, eu não sabia desta parada heheheheh, bjus e obrigado pela visita

TOOP disse...

Ele se foi... então que sigamos por favor.

=*

blog do dudu santos disse...

O que foi, foi...nunca será igual, a sabedoria é saber que tudo não é eterno..parabéns pelo poema
bjo do artista

Anônimo disse...

Tudo bem! Reconheço que a dor de quem sente é sempre a "dor de quem sente"! E essa quase sempre é pior do que a da gente! Mas abro um parênteses, ´frequento esse blog ha tempos e nunca comentei. Mas leio e admiro algumas palavras que aqui se encontram. É de bom gosto e fino trato. SEnsibilidade aqui não falta. Mas TÔ DE SACO CHEIO!, DE TANTA DOR DE COTOVELO! Desculpem os mais sensíveis, mas já chega! Andei relendo alguns textos e empreitadas "poéticas" e não podia deixar de dizer isso. Com todo respeito Camila, muda aí!

(com as palvras de quem sempre leu o que você escreve!)

grande beijo

Dany disse...

Minha saudade tb é assim: se instalou e não quer mais sair de mim! UIA... rimou, hahahaha.
Bjs, Camila!
Pegou seu selinho no meu blog?!
;)

instantes e momentos disse...

Lindo, lindo. bonito de ler, gostei daqui. Vou voltar muito.
Maurizio

Fatima disse...

E...esssa tal de saudades doi mesmo!
Mas ha quem diga que ela so existe quando sentimos falta de algo que foi bom!Eu sei que morro e saudades de um monte de coisas,de gente,de mim mesma...
Mas nao tem jeito ela existe!

Bjinhos flor(**
Boa semana pra ti!

Camila disse...

Meu Deus!!!
Anônimo!
Obrigada pela sinceridadeee... eu tbm tô de saco cheio de dor de cotovelo, masssss... mas é o que tô sentindo uai!
Mas vou voltar a ser como antes logo logo!
Obrigada por me ler!

Mas aqui... vc naum é o Thiago é?!
Rsrs
Beijo

paula barros disse...

Camila
Entendo a sua saudade. Já estive assim, e escrever me ajudou muito. Pois escrevemos temos uma compreensão da nossa dor, do quanto ela é sofrida, do nosso limite, e vamos elaborando internamente.

Desculpe, mas o anônimo me deixou pasma.
Se ele diz que nunca comentou,deveria ter comentado em outros momentos, ter elogiado, dado força. Assim penso.

Mas vamos ver se a forma dele falar espanta sua saudade. Se assim ocorrer agradeceremos a esse anônimo.

abraços

daniel disse...

Camila

O poema é bom, dentro dum estilo esotérico. Fico com esta sensação.
Daniel

Codinome Beija-Flor disse...

Camila,
Obrigada pela visita.
Lindo seu blog.
Parabéns, voltarei sempre.
Bj

cah disse...

que lindinhuu esse poemaa auaa
ameei memso ahuaauh
http://imensidadx3.blogspot.com/

blog do dudu santos disse...

puxa!! agora que reparei que somos de Gemeos...o meu é de Maio..26
bjos

Camilla disse...

MORRA SAUDADE [2]

Sem mais!!

Luifel disse...

A saudade nunca morre, porque ela existe pra nos fazer lembrar...

Bjs

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Muito bom!!
Adorei!
Tem post novo no garotas...
Super beijo,

*Mimi*

Nadezhda disse...

Passei a deixar a saudade de lado. Ou a chama-la por outro nome ;)

Dinha disse...

Ah, a saudade é tirana às vezes, principalmente quando sabemos que temos que esquecer alguém, mas nunca nos esquecemos de nos lembrar! Vida cretina essa! Tomara que sua saudade acabe, ou porque ele voltou ou porque ela enfraqueceu e simplesmente morreu!

Beijos

Camila disse...

Saudadeeeeeeee
=/

 

Caminhos de Camila Template by Ipietoon Cute Blog Design